O espetáculo é inspirado no clássico de William Shakespeare e traz aos palcos a rivalidade entre duas famílias transportada ao cenário da Espanha antiga: de um lado os Capuleto, representando a nobreza soberana, de outro lado os Montéquio, representando os flamencos de Triana, historicamente reprimidos pelas diferenças de cultura e costumes de vida.


No cenário rico de Sevilha Romeu de Triana e Julieta da nobreza vivem um amor impossível, tentando quebrar todo preconceito e desrespeito com que foram tratadas as minorias.


Ciganos e nobres, em figurino clássico, majestoso e rico, evocam o mistério das tragédias, companheiras inseparáveis do ódio e do amor romântico.


                                         


Espetáculo altamente inovador no universo flamenco, mantendo a proposta da Cia. na fusão teatro/dança consegue unir paixão, desespero e tristeza no agir de duas famílias que se digladiam para evitar o amor de um cigano e uma nobre. Os sapateados, as palmas e os movimentos da expressão flamenca criam o clima de emoção e comoção em uma estória que retrata nossa ânsia de amar.

                             

                           

 

A trilha sonora é bem diversificada vai do clássico espanhol ao flamenco fusion, com os mais diversos instrumentos como bateria, violoncelo, violino, etc. Procurando manter a estética medieval, as músicas trazem instrumentos antigos e também incitando o que há de passional na história são utilizados elementos modernos.
                 
          
                           
                                                                                                                                                        
 

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!